Fechar rede
Siga-nos
Governo do Estado do Rio de Janeiro
Menu
Home Busca Menu Redes
Panorama da Covid-19: indicadores apontam tendência de alta na transmissão da doença 23/02/2024 Panorama da Covid-19: indicadores apontam tendência de alta na transmissão da doença Taxa de positividade de testes antígeno se aproxima de 30%. Em janeiro, indicador foi de pouco mais de 10%

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ) retomou nesta sexta-feira (23/02) a divulgação do Panorama da Covid-19. A decisão foi tomada após os técnicos do Centro de Inteligência em Saúde (CIS-RJ) detectarem um aumento dos índices da doença. A análise considera os dados registrados desde o início do ano e aponta alta sustentada em indicadores como a taxa de positividade, tanto de antígeno quanto de RT-PCR.


Na primeira semana epidemiológica do ano (31/12/23 a 06/01/24), 10,5% dos 6.487 testes de antígeno realizados na rede pública tiveram resultados positivos. Já na semana epidemiológica 7 (11/02 a 17/02), foram 14.419 testes, com taxa de positividade de 29,9%. Em relação ao RT-PCR, a positividade passou de 10,3%, na primeira semana epidemiológica, para 43,3% na semana sete.

“O retorno do crescimento dos índices de infecção por Covid-19 preocupa. Por isso, retomamos a divulgação do boletim. Com ele, a sociedade pode acompanhar mais de perto a situação e permanecer em alerta. É importante manter a vacinação em dia”, explica Mário Sérgio Ribeiro, subsecretário de Vigilância e Atenção Primária à Saúde.

Os atendimentos por síndrome gripal nas UPAs da rede estadual também cresceram. Em janeiro, foram registrados 8.257 atendimentos. Já em fevereiro, em apenas 17 dias do mês, foram contabilizados 9.084 atendimentos por síndrome gripal.

Apesar do aumento dos demais indicadores precoces da Covid-19, as solicitações de leitos para tratamento da doença não aumentaram ao longo de 2024. Os idosos seguem como os que mais se internam por conta do vírus.

A SES-RJ reforça a importância de manter as doses de reforço em dia para evitar casos graves e óbitos pela doença. Pessoas com 18 anos ou mais devem tomar duas doses de reforço. Aquelas entre 12 anos e 17 anos, uma dose de reforço. Para consultar o Panorama Covid e outras informações, como número de internações, óbitos e taxa de cobertura vacinal, basta acessar o Painel de Monitoramento da Covid-19: https://painel.saude.rj.gov.br/monitoramento/covid19.html.

Telefones úteis