Fechar rede
Siga-nos
Governo do Estado do Rio de Janeiro
Menu
Home Busca Menu Redes
Setores da Saúde
Vigilância em Saúde
Vigilância Sanitária
Notícias
Vigilância Sanitária
Notícias
10/08/2017 Suvisa participa do V Seminário Internacional de Segurança do Paciente Em conjunto com esse evento, será realizada uma reunião regional para implementação dos componentes essenciais dos programas nacionais de controle de infecção, organizado pela OPAS

Está ocorrendo em Brasília-DF no período 7 à 10 de agosto promovido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) o V Seminário Internacional sobre Redução do Risco para Segurança do Paciente e Qualidade em Serviços de Saúde. A mesa de abertura contou com representantes da Organização Mundial da Saúde, da Organização Pan-americana da Saúde (OPAS) do Brasil e de Washington, dos Ministérios da Saúde de diversos países do Caribe e América Latina, do Centers of Disease Control and Prevention (CDC), do Conasems. O evento também contou com a participação dos Gestores da Saúde e de Vigilância Sanitária dos municípios, estados e do DF e dos Coordenadores de Controle de Infecção Hospitalar dos Núcleos de Segurança do Paciente (CECIH).

Representando a Secretaria de Estado de Saúde do Estado do Rio participaram do evento a Dra Claudia Mello, Superintendente de Vigilância Sanitária (SUVISA), Dra. Maria de Lourdes de Oliveira Moura, responsável pela gestão da área de Segurança do Paciente da SUVISA e Coordenadora Estadual dos Núcleos de Segurança do Paciente, e a Dra. Sibele Nogueira Buonora, Coordenadora da Comissão Estadual de Controle de Infecção Hospitalar (CECIH). Na oportunidade apresentaram o Plano Estadual de Segurança do Paciente do Estado do Rio de Janeiro-PESP 2017-2020.

Em conjunto com esse evento, será realizada uma reunião regional para implementação dos componentes essenciais dos programas nacionais de controle de infecção, organizado pela OPAS.

Durante a realização do evento o presidente da ANVISA, Jarbas Barbosa, lançou uma série de 9 fascículos dedicados ao tema Segurança do Paciente e Qualidade em Serviços de Saúde que abordam, entre outros assuntos, infecção relacionada à assistência à saúde e eventos adversos em serviços de saúde, além de outras publicações sobre o tema, entre elas folders, cartazes.

Também foi lançado, em parceria com o Hospital Moinhos de Vento/R por meio da iniciativa PROADI, dois cursos na modalidade à distância do tipo auto instrutivo voltados ao tema.

A Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) destacou durante o evento que investir em segurança do paciente, principalmente em iniciativas para controle de infecções relacionadas à assistência à saúde (IRAS), representa uma significativa economia de recursos.

Os estudos existentes sobre o tema estimam que deixariam de ser gastos 7 bilhões de euros por ano na Europa e 6,5 bilhões de dólares nos Estados Unidos, caso essas medidas fossem adotadas. De acordo com a OMS, 10% dos pacientes internados são acometidos por infecções relacionadas à assistência à saúde e 50% das infecções podem ser evitadas com medidas reconhecidamente eficazes, como higiene das mãos e vigilância.

A consultora e técnica da área de prevenção e controle de infecções da OMS, Claire Kilpatrick, apresentou os materiais, treinamentos, prioridades e recomendações do organismo internacional para ajudar a reduzir as infecções no mundo.

Fonte: Organização Pan-americana da Saúde (OPAS),
Conselho Nacional de Secretarias municipais de Saúde – CONASEMS

 

Telefones úteis