Fechar rede
Siga-nos
Governo do Estado do Rio de Janeiro
Menu
Home Busca Menu Redes
Métodos anticoncepcionais: quais são os mais indicados para os adolescentes? 22/05/2017 Métodos anticoncepcionais: quais são os mais indicados para os adolescentes? A camisinha protege ao mesmo tempo das doenças sexualmente transmissíveis, aids e da gravidez não planejada

Você quer cuidar da sua saúde e evitar uma gravidez precoce e não planejada, certo? Sabe que existem métodos anticoncepcionais, talvez até conheça alguns, mas de repente não sabe qual o mais indicado para você. Se essa é a questão, relaxa e presta atenção no que temos para dizer!

De maneira geral, adolescentes podem usar a maioria dos métodos anticoncepcionais disponíveis. No entanto, alguns são mais adequados para serem usados nessa época da sua vida. O principal deles, claro, é a camisinha! Aliás, a camisinha é mais do que o principal método anticoncepcional. Sabe por quê?

A camisinha é o único método que oferece dupla proteção. Ok, descomplicamos a explicação: a camisinha protege ao mesmo tempo das doenças sexualmente transmissíveis, aids e da gravidez não planejada. Por isso, a camisinha masculina ou feminina deve ser usada em todas as relações sexuais. Mesmo que você ou sua parceira use outro método anticoncepcional.

Por falar em outros métodos... As pílulas combinadas e a injeção mensal podem ser usadas na adolescência, desde a primeira menstruação. Já o DIU até pode ser usado pelas adolescentes, mas se elas nunca tiveram filhos correm risco maior de expulsá-lo.

Métodos não indicados

Não são indicados como métodos anticoncepcionais para adolescentes a ligadura das trompas e a vasectomia. A minipílula e a injeção trimestral não devem ser usadas antes dos 16 anos. Já os métodos da tabela, do muco cervical e da temperatura basal são pouco recomendados, porque exigem muita disciplina e planejamento.

Não, não estamos dizendo que você é indisciplinado! Mas é que as relações sexuais na adolescência muitas vezes simplesmente acontecem. Rolam sem serem planejadas. E aí, você não vai querer correr nenhum risco, não é mesmo?

Distribuição

Para prevenção da gravidez, o Ministério da Saúde distribui pílula combinada, anticoncepção de emergência, minipílula, anticoncepcional injetável mensal e trimestral, e diafragma, assim como preservativo feminino e masculino. Recentemente, foi anunciada a oferta de DIU de cobre em todas as maternidades brasileiras. Dessa forma, adolescentes que já tiveram um filho podem ser beneficiadas também.

Telefones úteis